RESULTADO :: Diário de uma Noiva Simples

Oi noivinhas! 👰🏼👰🏻👰🏽👰🏾👰🏿

É com muita alegria – e um grande sorriso no rosto – que viemos contar para vocês quem são as duas selecionadas! E mostrar um pouquinho mais sobre o tanto de coisa linda que recebemos nas inscrições.

O Diário de uma Noiva Simples tem dois objetivos principais:

1 – Trazer conteúdo relevante para as noivas, autorais, reais, verdadeiros e criados por quem também está passando por essa fase.

2 – Mostrar ao mundo a beleza de cerimônias não tradicionais. Se o mercado só nos mostra casamentos caríssimos, luxuosos e em grandes salões, a gente vai lá e mostra o outro lado. O nosso lado, real, possível e tão maravilhoso quanto (ou até mais!)

Casamento não tradicional é mais comum do que se imagina!

Recebemos muitas, muitas inscrições. Mais precisamente 3x mais que a edição passada. E foi lindo de ver o quanto de cerimônias lindas, diferentes, DIYs, cada qual com a personalidade da noiva imprimida e todas com muito em comum: fugindo totalmente do padrão que o mercado quer impor. Vocês não estão sozinhas!

A gente leu todas as histórias e foi bem difícil escolher apenas duas. Valorizamos muito o tempo que vocês investiram nos escrevendo e contando um pouco mais sobre suas cerimônias (por isso verifiquem as caixas de e-mail; enviamos e-mail para todo mundo!).

Passamos por quem vai dar o primeiro beijo (da vida!) no altar à quem apostar e acreditar no amor pela 3ª vez.

Pelas noivas românticas às nada tradicionais.

De uma decoração angelical a uma medieval.

De casamento às nove da manhã a um luau madrugada a dentro.

De quem vai dizer sim aos 18 anos a quem vai celebrar após 20 anos de casada.

42 padrinhos!

Diversas religiões a nenhuma. Do casamento no jardim a um cruzeiro só com os noivos.

De buquê com ervas da lavoura a flores importadas.

Passamos por histórias de amor que eram para acontecer. De noivos que se conhecem desde crianças e se reencontraram anos depois. De quem se conheceu há pouco e se reconhece de uma vida inteira.
Foi lindo e nosso muito obrigada a vocês!
Antes das selecionadas, um aviso de utilidade pública:
Atendendo a pedidos, a segunda edição já tem data para acontecer e vai abranger as noivinhas que casam entre agosto e dezembro de 2017.  O início da ação está previsto para abril.
 

Agora sim, as histórias selecionadas:

1. Eloisa Martins
Olá,
Sou Eloisa martins, de Cidade Ocidental –GO.
Tenho 25 anos e me casarei em 15 de Julho de 2017.Sempre me imaginei como uma noiva simples, pois assim sempre fui em tudo em minha vida: Uma pessoa simples!  Sou uma mulher romântica por natureza, passei a adolescência lendo romances históricos, eram aqueles amores que ultrapassavam tempo, barreiras e qualquer dificuldade para estarem juntos. Então assim cresci, acreditando que o amor verdadeiro existe e seria só questão de tempo para que o amor de minha vida aparecesse. E o dia chegou, foi em Maio de 2012 que o Lucas foi enviado para mim e no momento em que o vi eu soube que seria ele o homem com quem eu passaria todos os dias de minha vida.

E aqui estamos, quatro anos e cinco meses juntos. Fui pedida em casamento na noite de natal, um pedido romântico e tímido por aquele que foi escolhido por Deus para fazer meus dias mais alegres. Estamos noivos e antes mesmo do grande dia chegar já tínhamos decidido que não queríamos nada glamouroso e gastar mais do que podíamos só para agradar os convidados. A cerimônia teria que ser como nós: Simples em todos os detalhes!

Então tudo já foi escolhido, sem dor de cabeça, sem estresse, e sem discussões, pois se trata do dia em que vai marcar o começo de uma nova jornada em nossas vidas, será o dia em que nos tornaremos um só diante de Deus…

O local escolhido para a cerimônia será na casa da tia dele, a tia Ní. Uma pessoa maravilhosa que sempre abriu as postas de sua casa para nós. Escolhemos sua casa por causa de um pequeno jardim onde tem um pé de limão lindo bem no centro. É verdinho, parece até aquelas arvores onde os casais se beijam em filmes românticos. Vamos enfeitar o pezinho de limão com flores, cordões em forma de coração, laços brancos e fotos nossas.

O casamento será as onze horas da manhã, pegaremos a brisa da manhã com aquele friozinho de julho e emendar com um almoço simples em família e amigos íntimos. Pois estarão presentes somente aqueles que acompanham nosso amor desde o inicio e sempre nos apoiaram. Para nós o casamento não é uma festa publica, é o dia no qual ficará marcado no calendário do nosso amor e em nossa historia o dia em que nos tornaremos eternos namorados. Casamento simples, barato e estaremos rodeados de  amor.

O cardápio foi escolhido pelo fato de ser fácil de fazer e por todos gostarem. O prato vai ser estrogonofe, com arroz branco e babata palha. Compraremos gradados de refrigerantes, copos e pratos descartáveis, assim será tudo prático e no final de tudo não sobrará louça suja para lavar. Queremos tudo prático e simples.

Sempre achei lindo aquelas mesas de bolo decoradas, com o bolo no centro e os noivinhos no topo. Eu vou escolher um bolo médio e ao redor dele brigadeiros e beijinhos, assim já servirá como sobremesa da tarde. Ao lado do bolo estará a Bíblia, pois sempre Deus esteve no centro de nosso relacionamento e nesse grande dia iremos evidenciar isso. Toda a mesa do bolo, decoração, será preparada pelas minhas madrinhas e eu. Quero que tudo tenha aquele toque de amor, e somente seria assim se fosse feito por nós mesmas. Nada de contratar decorador ou mão de obra para casamento. O grande dia é nosso e não somente o planejamento dele seria feito por nós, mas todos os preparativos também. Será uma cerimônia intima e amorosa.

Como o foco sempre é economia e simplicidade, eu não poderia deixar de pensar em uma lembrancinha que marcasse esse dia e que também não pesasse em meu bolso. Escolhi o estilo retrô, será um saquinho de papel Kraft, com uma renda fechando ele em forma de laço e uma imagem nossa no centro do saquinho. Dentro terá bombons sonhos de valsa com o bombom tradicional e o de chocolate branco, e um cartãozinho agradecendo pela presença. E todas os saquinhos ficarão em um cestinha de palha decorada com flores e papeis coloridos bem picados que serão o forro das lembrancinhas. Ao lado da cestinha e na mesma mesinha colocaremos o Caderno do “Amor”, onde todos os convidados deixaram mensagens carinhosas para expressarem os sentimentos nesse dia tão especial. Ficarão lado a lado, mesa do bolo e a mesinha com lembrancinhas e o caderno do Amor.

Por benção e presente de Deus o primo de meu noivo é fotógrafo, então teremos uma boa econômica na questão do álbum de casamento. Tiraremos fotos simples e que guardaremos para o resto de nossas vidas. Quero que todos que estejam no casamento tire foto conosco para que eu sempre reveja as fotos e tenha um sentimento lindo no coração. Mas o noivo é tímido e não gosta muito de tirar fotos, então será a parte mais rápida da cerimonia rsrs…

A maquiagem ficara à par de uma das minhas madrinhas, será uma maquiagem romântica e delicada, combinando com o tipo de cerimonia e de acordo com o horário. Nem pesada e nem leve demais. Será uma maquiagem, como diz minha madrinha: _“Marcante…”

A escolha do vestido até um mês atrás estava sendo complicado. Pensei no caso de comprar o tecido e escolher um modelito e levar até a costureira para que fizesse pra mim. Mas pelos cálculos o custo sairia muito alto e eu não teria condições para isso. Pesquisei por dias na internet sites com vestidos brancos, até que Deus colocou em meu caminho e achei na rede social o site “O amor é Simples”. Dá para acreditar? Um site que tem justamente o nome que me representa, a simplicidade! Foi aí que eu soube que era possível encontrar um lugar com vestidos lindos e baratos. Vestidos que combinam com a simplicidade do meu casamento. Me apaixonei pelo vestido Olinda e pelo vestido Parvati, são simples, elegantes e românticos. Tudo que sempre sonhei. Só resta saber qual deles será o escolhido. Que dúvida cruel rsrs…

O site O amor é Simples também foi essencial em relação aos acessórios. Até então nem me lembrava deles, como por exemplo as corsages das madrinhas, arranjo para enfeitar o cabelo, os fios de pérolas que sempre achei lindo. Estou encantada com tudo…

Já a roupa do noivo será social e causal, ainda não sei bem qual será, mas terá camisa social e tênis, pois esse é o estilo do meu amor, nada de  frescuras e superficialidades, quanto mais simples melhor.

Em meu casamento não terá regras a seguir, como quantidade de madrinhas e padrinhos, casamento em igreja e de noite, etc. Nada disso… Fugimos do tradicionalismo, queremos tudo com nosso toque e jeito de ser. Tudo simples e casual. Sempre soube que meu casamento seria diferente, toda aquela história de gastar horrores, de não conseguir dormir porque o tipo de festa não seria possível ser realizado por causa das condições financeiras, blá blá… É o dia de concretizar o amor, é para ser um dia mais que especial, e por tanto não seria a quantidade de dinheiro gasto que faria o diferencial em meu casamento. Tem que haver amor, pessoas que realmente estará conosco para o que der e vinher, e tudo que caiba no bolso.

Meu querido noivo não complica nada, para ele o quanto mais simples melhor, a escolha dele para padrinho será somente um. E mais do que especial, amigo de infância que cresceu com ele, que sempre esteve presente em todos os momentos e que não poderia faltar nesse dia. Até aniversário fazem no mesmo dia, assim já dar para entender que não se trata de um padrinho qualquer e sim um amigo para toda a vida. Eu terei quatro madrinhas ( Eu sei, não economizei nesse quesito rsrs…) Mas se trata de quatro amigas que conheço a muitos anos e sempre acompanhou tudo que já passei e vice e versa. São amigas, irmãs, companheiras, são minhas queridas madrinhas.

Para realizar a cerimônia religiosa escolhemos o pasto de nossa igreja, uma pessoa que vem sendo usado por Deus para nos ajudar muito e que também conhece nossa história. Por tanto, a pessoa ideal. Para a lista de convidados também não haverá dificuldades. A quantidade de convidados não passará de quarenta pessoas, mais que isso seria impossível, até porque se trata de uma cerimônia simples e casual, só aqueles amigos íntimos e familiares estarão presentes. Cada um escolhido pelo fato de fazer parte de nossa vida, pessoas especiais…

Para a escolha do buquê também não poderia ser diferente, eu mesma escolhi faze-lo. Será feito com flores artificiais, totalmente artesanal e com muito amor. Escolherei  flores artificiais nos tons de roxo e branco, quero que seja delicado e romântico. Será um buquê médio, não pode chamar muita atenção. Também farei um outro buquê para jogar para as solteiras da festa. Assim eu estarei economizando e não deixando faltar nenhum detalhe importante. E para o toque final do buquê irei aromatiza-lo com essência de flores naturais, irá ficar lindo. Poderei dizer que eu mesma o produzi e o guardarei para sempre.

Decidimos que não usaremos convite, isso seria um gasto a mais e já teremos as fotos para nos lembrar desse grande dia. Então como será só família e amigos íntimos, todos serão avisados por convite virtual, criaremos um convite no programa, tudo detalhado com o dia e hora do casamento e que marquem em suas agendas esse dia tão especial e esperado por nós. Temos certeza que isso dará certo, porque são poucas pessoas e cada uma delas estão participando e apar da forma como será nosso casamento. Como meu belo noivo diz: _“ Convite virtual, estilo zap” rsrsr… Bonito e econômico.

Quero ser uma noiva conhecida pelo fato de não ter contratado pessoas para produzir tudo para meu casamento, não que isso seja errado, quem gostar e puder pagar, ótimo, mas para aquelas noivas que sonham com esse dia tão especial vão poder saber que podem se casar e realizar tudo que querem e tudo com seu jeitinho de ser e com muita economia. Quero ser exemplo para outras noivas tão simples quanto eu. Meu noivo e eu queremos usar nosso estilo de ser, nosso lindo casamento para aqueles que também sabem que para se casar só precisam ter um ao outro, muito amor, criatividade e muita disposição. Somos os noivos Eloisa y Lucas, um casal unido pela simplicidade do amor.

 

2 – Marina Ramos da Silva

Conheci o Renato pelo Facebook.  Ele me viu comentando em alguma postagem de uma amiga em comum, resolveu me adicionar e em dois meses de conversa e um mês se vendo regularmente, já estávamos namorando. Se tivesse que escolher uma palavra para definir nosso relacionamento seria: descomplicado. Eu e Renato sempre fomos muito sossegados, seja em nossa vida pessoal ou como casal, sempre trocando um “rolê” muito agitado por um Netflix com pipoca, um restaurante com amigos, ou simplesmente uma sonequinha de tarde.

Nós escolhemos um estilo de relacionamento sem muita frescura. Evitamos controlar a vida um do outro, discutir por bobeira, enfim… Criamos uma série de tratados de como gostaríamos de levar o relacionamento e eles sempre deram certo com a gente, sendo inclusive, essenciais para o sucesso do nosso amor. Por ter tudo esclarecido desde o principio, nunca tivemos uma briga feia e nunca tivemos uma fase ruim no relacionamento. E, se somos tão simplistas na nossa vida, por que ter um casamento complicado?

Desde que noivamos várias colegas e amigas me mandaram uma chuva de sugestões e contatos de fornecedores de todos os tipos de serviços (banda, costureiros, buffets, fotógrafos…) e eu confesso que fiquei bem chocada com os valores de tudo isso. Na época ainda estava fazendo estágio e nós juramos pra nós mesmos que não iríamos nos endividar para casar, porque não queríamos um obstáculo desse tamanho em um momento tão importante de nossas vidas, mas nem por isso deixaríamos de comemorar.

O único obstáculo no quesito festa de casamento foi o tamanho da minha família. Meu pai tem quatro irmãos e minha mãe (pasmem) tem dez irmãos! Dez! Se contarmos que todos são casados e a média de filhos por casal na família é de dois por casal e que esses filhos já estão casando e tendo seus próprios filhos, o número de parentes de primeiro grau (só da família da minha mãe) seria aproximadamente cinquenta pessoas. Se contar a família do meu pai e a família inteira do noivo, teríamos mais ou menos uns cem convidados apenas da família.

Como a ideia sempre foi algo simples, o fato de chamar praticamente cem pessoas só da família nos desanimava muito e nos fez considerar várias vezes desistir de comemorar o casamento. Depois de muitos papos com meu noivo optamos por fazer duas comemorações simples ao invés de um grande e lotado casamento: Um jantar para nossos pais, avós e família mais íntima (já estamos com alguns orçamentos de personal chefs) em uma data e uma festa para os amigos em outra data. Dessa maneira, as pessoas realmente importantes para nós vão fazer parte desse momento de nossas vidas e não vamos chamar ninguém somente por educação.

Depois de muito refletir nos convidados chegou a hora de pensar nas demais coisas do casamento. Como vamos decorar? Vamos fazer temático? Quais nossas inspirações? Decidimos que nosso casamento teria alguns requisitos básicos para nossa sanidade mental:

• A gente se divertir e não ser só anfitrião.
• Não gastar mais do que podemos.
• Fazer o máximo de coisas nós mesmos.
• Ter a nossa cara.

Com o problema da grande família resolvido, e metas estabelecidas, era hora de começar a planejar. Eu sou ilustradora toda arte que decidirmos fazer para o casamento seria feita por mim. Fiz a arte dos convites e estou fazendo a arte das demais papelarias primeiramente em nanquim e aquarela, depois irei digitalir, finalizar e diagramar em editores de imagem. Optamos por enviar o convite pelo computador e criar um evento no Facebook para o RSVP, já que todos os amigos estão na rede social e, com o dinheiro que investiríamos nisso, compramos outras coisas da festa, como lembrancinhas, por exemplo. (Se quiserem dar uma olhada na minha arte é só entrar no meu IG @mariilustracao ou na minha página do Facebook /marilustracao)

Eu e o noivo somos muito nerds. A gente adora séries, filmes e games, e pra gente não tem nada mais divertido que uma reunião de amigos com comida, bebida, videogames e jogos de tabuleiro. Todos nossos aniversários (fazemos aniversário na mesma semana) foram comemorados dessa maneira e, como nossos amigos também são nerds, todo mundo se diverte. Além disso, nós não somos aquele casal ultrarromântico, então o casamento cheio de flores e lustres estonteantes nunca fez parte da nossa vontade e seguir essa linha “nerd” faz muito mais sentido.

Optamos, de acordo com nosso perfil e o perfil de nossos convidados por um churrasco-casamento, que incluísse todas as coisas que nós gostávamos, mas mais organizado, com os amigos mais arrumados, e uma decoração mais bonita. A ideia é realizar a festa em uma chácara que tenha piscina e espaço para que, depois das formalidades todos possam aproveitar. Separamos um ambiente para instalar o videogame com jogos de dança e outros “party games” como Mario Kart e, além disso, teremos uma mesa com vários jogos de tabuleiro disponíveis para que os convidados interajam entre si, até porque, nada mais legal do que todos seus amigos se darem bem e se gostarem, né?

Na decoração, utilizaremos elementos vintage que temos em casa como inspiração de cores e parte da decoração: Uma câmera Diana, uma máquina de escrever da Olivetti e livros antigos. Também utilizaremos as letras do jogo de tabuleiro “scrabble” como parte da decoração, formando nossos nomes e em plaquinhas como tag de comidas e das mesas. A ideia é não ter quase nenhuma flor. Os centros de mesa serão vasinhos com temperinhos e suculentas, que os convidados podem levar depois para eles e que não vão para o lixo como arranjos de flores comuns, queremos priorizar plantas que vivem mais tempo e evitar o desperdício.

Contrataremos um churrasqueiro conhecido de uma das madrinhas e faremos o brinde com cerveja artesanal (que os nossos amigos amam!), dois dos convidados, que são DJs, providenciarão a música durante festa. Na mesa de doces, eu e as Madrinhas faremos brigadeiros de café, meio-amargos, tradicionais e beijinhos. Além disso, vamos fazer cookies e brownie (cortado em tamanho de petiscos) para dar um ar mais rústico na mesa.  O bolo será o único doce comprado e será de chocolate, porque é nosso bolo preferido e não podia faltar na cerimônia.

Para lembrancinhas daremos um imã de geladeira/abridor de garrafas com a arte principal do casamento (ilustração de nós dois que eu fiz) e os convidados deverão deixar os recados para nós em peças do jogo Jenga, que guardaremos junto com nossos demais jogos de tabuleiro e que vão trazer lembranças do dia toda vez que jogarmos.

Convidamos vinte pessoas, das cinquenta convidadas para ser nossos padrinhos e madrinhas. Não vamos fechar uma cor de roupa, apenas um modelo. Os homens deverão usar bermuda, camisa manga curta, gravata borboleta e suspensório, já as mulheres dependem do modelo de vestido que eu escolher. Não limitarei cores, nem detalhes, apenas o comprimento que deverá ser oposto do que eu escolher pra mim (se eu for usar longo, será curto, se eu for usar curto, será longo) e bem casual, fresquinho e chácara com piscina friendly.

E vocês devem estar se perguntando: Mas e a cerimônia? Bom, a cerimônia nossa, como não somos religiosos vai ser um microfone aberto para nossos amigos falarem o que quiserem pra nós, vale cantar, recitar poesia, enfim… Pra nós compartilhar essa felicidade com eles e sentir o amor que eles têm por nós é o que mais importa e é por isso que vamos comemorar nosso casamento.
Estimamos que tudo todo não chegue a R$3.000, mas uma ajudinha no vestido é sempre bem vinda, não é?

Obrigada pela chance de contar um pouquinho dos nossos planos, tão simples, mas cheios de amor e carinho!

Porque afinal, o amor é simples.

Um abraço,

Marina

 

Saskdraws GIF - Find & Share on GIPHY

Muito obrigada mesmo! E continuem nos acompanhando que essa é só a primeira novidade do ano!

Um beijo,

Jana, Laís e Nati.

 

 


Postado por O Amor é Simples
Vestidos para noivas que acreditam na simplicidade do amor.

21 Comment

  1. Juliana Casagrande says: Responder

    Que lindas! Parabéns as ganhadoras e que tenham casamentos simples, lindos e eternos! Adorei ver meu buquê de ervas da lavoura descrito no texto. Grande beijo!

    1. Eloisa Martins says: Responder

      Obrigada, Juliana casagrande!
      Estou muito feliz de ter sido uma das selecionadas. Esse era um de meus sonhos, ver que minha história seja inspiração para outras noivinhas e é um exemplo de que os sonhos se realizam. Muito obrigada à vocês do Amor é Simples ^_^!

  2. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  3. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  4. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  5. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  6. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  7. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  8. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  9. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  10. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  11. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  12. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  13. […] você quiser conferir mais da história da Eloisa e da Mariana, confere aqui os textos que deram a elas o prêmio de vencedoras do concurso Diário de uma Noiva […]

  14. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  15. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  16. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  17. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  18. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  19. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

  20. […] você quiser conferir mais da história da Mariana, confere aqui o texto que deu a ela o prêmio de vencedora do concurso Diário de uma Noiva […]

Deixe uma resposta